Pular para o conteúdo principal

Conheça Deus como Ele é de verdade




Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.
Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite.
Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará.
Salmos 1:1-3



Você conhece Deus?

É muito comum ouvirmos pessoas definindo Deus conforme seu próprio entendimento:

"Deus é amor"
"Deus age assim ou assado, senão não seria um Deus justo." 
"Estou errado, mas Deus conhece meu coração."
"Deus perdoa tudo"

A cada dia, mais e mais pessoas formam seu próprio conceito de Deus, como se ele fosse um ser imaginário, que pudesse ser moldado conforme a conveniência de cada um. 

Essas pessoas não conhecem Deus. 

Veja, se você nunca tiver visto um cão em sua vida, mas acreditar que ele é um animal que voa, sua crença não fará com que os cães passem a voar.
Da mesma forma, acreditar que Deus irá agir ou pensar conforme sua conveniência ou crença, não fará com que isso ocorra.
Então pare de se iludir.
Deus não é o que você quer que Ele seja, Ele é quem é: um ser único, soberano, onisciente, onipresente e onipotente. 
Cabe a nós buscar conhecê-lo e amá-lo, ainda que seus pensamentos ou julgamentos não estejam de acordo com nossos objetivos.
Assim como Deus nos ama como somos, com nossas falhas e limitações, nós devemos amá-lo ainda que, não consigamos compreender  ou concordar com seus desígnios. 
Entenda: bondade não é sinônimo de submissão; liberdade não é o mesmo que libertinagem ou ausência de consequências. Só porque Deus nos ama, não significa que ele irá passar por cima de nossos erros.
Quando compreendemos que Deus não agirá de acordo com nossa vontade e sim de acordo com a vontade e propósito Dele nós nos libertamos de conceitos aprisionadores, que nos impedem de seguir adiante. Deixamos de fazer parte dessa geração "casca de ovo", que se quebra ao menor toque, para nos transformarmos em pessoas fortes, que entendem que os pensamentos de Deus não são os nossos pensamentos. As nossas preocupações não são as mesmas preocupações de Deus.
Enquanto nos preocupamos com o agora, Deus está focado na eternidade; enquanto nos preocupamos com o corpo, Deus se preocupa com a alma; enquanto nos desesperamos com uma leve chuva, Deus já sabe que amanhã o sol nascerá novamente.
Por isso, quando conhecemos Deus e começamos a compreender um pouco de sua essência, nossa fé é fortalecida.
Aprendemos que podemos caminhar sem vacilar, nos caminhos que Ele nos propôs, ainda que as circunstâncias sejam adversas, pois CREMOS que Deus já preparou tudo para que alcancemos nossa vitória.
Aprendemos que devemos colocar a mão na massa e agir, pois Deus não é nosso empregado e não trará nossas bençãos mastigadas e de mão beijada. Teremos que lutar por elas.
Aprendemos que Deus é um ser pessoal e que está disposto a se deixar conhecer, se assim o quisermos, e que cada novo aprendizado sobre Deus adquirimos mais segurança, fé e paz que excede todo o entendimento.
Talvez você esteja passando por algo difícil nesse momento, todos nós passaremos por tribulações em alguns momentos de nossa vida. Mas não se desespere. Ao invés de ter pena de si mesmo, lembre-se que Deus é contigo!
E ainda bem que Ele não é como nós idealizamos, nem obedece as nossas conveniências., pois é justamente por isso que Ele pode fazer muito mais do que pedimos, muito mais do que sonhamos e esperamos.
Então pegue não mão Dele e juntos vocês irão superar todas as adversidades.
Nosso Deus não falha, nosso Deus não dorme e Ele quer que você cresça e frutifique.Ainda que para isso seja necessário passar por fases difíceis. 
Mas lembre-se: Ele não te abandona nunca!
Que tal refletir nessa mensagem e adotar uma postura diferente a partir de agora? Que tal amadurecer na presença do Senhor e ser como a árvore plantada junto a ribeiros de água?
Que tal conhecer Deus de verdade?
Só depende de você.

Comentários

Postar um comentário