y_iQTHpcL2aPfLTjWpDYVCgxr2k
English plantillas curriculums vitae French cartas de amistad German documental Spain cartas de presentación Italian xo Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Esteja preparado para ouvir a voz de Deus


Porque eles, vendo, não vêem e, ouvindo, não ouvem nem compreendem. Mt. 13:13

Vivemos em uma sociedade capitalista, consumista e, altamente, individualista. Poucos são aqueles que se importam com o próximo e, se o fazem, é apenas em busca de uma auto satisfação. Para tanto, escolhem quem merece receber sua atenção, baseados em conceitos próprios de justiça. 
Agora todos são "cultos", dotados de conhecimento e saber, paradigmas e opiniões próprias. 
Não que o estudo seja algo negativo, de forma alguma. A questão é que o suposto conhecimento que vem sem difundido em nada se parece com a verdadeira inteligência e sabedoria que devemos buscar. O que temos visto são pessoas cegas e surdas, fanáticas por seus próprios entendimentos. Pessoas que não aceitam ser contrariadas em suas opiniões. (Clique aqui para ler o artigo Ter razão não traz felicidade).
A situação está tão caótica, que as pessoas não ouvem mais as diferentes opiniões, as diferentes teorias ou estudos sobre assuntos que já possuem opinião formada.

Simplesmente não querem se dar ao trabalho de aprender.

Aqui mesmo no blog, inúmeras vezes somos surpreendidos por comentários altamente críticos, elaborados por pessoas que visivelmente não leram o artigo! Apenas olharam as letras por cima, sem refletir nas palavras. 
Esse fenômeno também pode ser visto nas redes sociais, onde posições polêmicas, políticas ou até mesmo assuntos banais são defendidos a ferro e fogo, pasmem, sem nem mesmo uma breve análise dos argumentos contrários.

Geração cega e surda!
Geração que vê, mas não enxerga o que está diante dos olhos. Geração que ouve, mas não escuta o que penetra aos ouvidos.

É por isso que muitos não conhecem a Deus.
Alguns querem ouvir falar Dele apenas se for para alcançar a prosperidade ou aval para suas atitudes e decisões. A partir do momento que as coisas não saem conforme seus planos pessoais, esquecem Deus ou, o que é pior, o culpam de seus infortúnios.(Clique aqui para ler os artigos Deus também diz não e Nós somos os responsáveis por nossas escolhas)
Outros preferem negar a existência de Deus. Afinal, para que prestar contas de seus próprios atos? Para que seguir padrões morais de Deus se já possuem o próprio padrão moral? Para que obter a amizade e o amor de Deus, se já possuem a amizade e o amor daqueles que se assemelham a si mesmos?
Infelizmente, as pessoas buscam uma pseudo sabedoria e se aterrorizam com a possibilidade de serem consideradas como tolas ou incultas. 

Esse comportamento, no entanto, não é novidade para Deus, Jesus disse:

Porque o coração deste povo está endurecido, e ouviram de mau grado com seus ouvidos, e fecharam seus olhos; para que não vejam com os olhos, e não ouçam com os ouvidos, e compreendam com o coração, e se convertam e então eu os cure. Mt. 13:16

As pessoas estão doentes. Estão cegas e surdas, com o coração endurecido e, com isso, perdem o melhor de Deus. Perdem a cura física e espiritual vinda do Senhor. 
E o mais triste é que muitas delas não sabem disso. 
Não se iluda, essa geração está difundida pelo mundo em toda a parte da sociedade. Talvez você esteja lendo isso e pensando: ainda bem que sou diferente.

Será que é mesmo? 

Muitos desses cegos e surdos, conhecem a Deus. Sim, muitos desses cegos e surdos acreditam que servem a Deus. Leem a bíblia, oram continuamente, frequentam igrejas, fazem o bem... no entanto, não estão ligadas a videira verdadeira, que é Cristo Jesus.
Ora, os fariseus acreditavam que faziam a vontade de Deus. No entanto, não reconheceram o reino de Deus entre eles.
Ainda existem muitos fariseus hoje em dia. Pessoas que defendem a ferro e fogo entendimentos religiosos, que não refletem a vontade de Deus.

Geração cega e surda!
Geração de coração endurecido!

Deus tem falado a nossos corações, mas para que possamos compreender é necessário ouvir. Temos que deixar de lado nosso eu, temos que diminuir nosso ego e abrir nosso coração. Essa é a única forma de entender o propósito de Deus e dessa forma, sermos curados por Ele, tanto fisicamente, quanto espiritualmente.

Se as coisas não estão dando certo para você, porque não experimenta deixar de lado suas concepções e preconceitos e busca a verdadeira vontade do Senhor?

Acredite, não dói e não faz mal algum.
Talvez seja difícil no início perceber que Deus é muito diferente do que você imaginava, mas isso é bom. É sinal de intimidade.
No início do namoro o casal não se conhece verdadeiramente, pois ambos estão buscando agradar o outro, ocultando suas imperfeições. Mas com a convivência defeitos e qualidades vêm a tona, permitindo que nasça o verdadeiro amor.
Assim é no relacionamento com Deus. Temos uma imagem do Senhor formada em nossa mente, através de conceitos sociais e até anseios próprios. Mas ao conhecê-lo de verdade percebemos que ele é bem diferente do que pensávamos, mas isso é bom. Talvez discordemos dele em alguns pontos, talvez o achemos rígido em outros e flexível demais em outros, mas precisamos aceitar e respeitar a pessoa de Deus, da mesma forma que ele nos respeita. Não podemos exigir que Deus seja exatamente da forma que NÓS queremos. 
No filme O todo Poderoso um homem se julga melhor do que Deus e assume suas funções por um período. É quando percebe que ser Deus é bem mais difícil do que pensava e não consegue dar contas de todas as orações e pedidos. Então ele tem uma ideia fantástica: ele autoriza todos os pedidos. O mundo se transforma num caos. Dentre as inúmeras tragédias que ocorrem, um chama a atenção: todas as pessoas acertam na loteria e ninguém ganha dinheiro algum.
Já imaginou que terrível seria se ao invés de nos dar o que necessitamos, Deus nos desse apenas o que pedimos? E pior, desse tudo que todos pedem o tempo inteiro?
Talvez você ache que as coisas devem ser resolvidas da forma A ou B, mas sem dúvida alguma você não está a par de todas as informações sobre o caso. Por mais que conheça parte da história, não conhece TUDO sobre ela, ao contrário de Deus. (Clique aqui para ler o artigo Olhe com os Olhos de Deus)
E, além disso, precisamos entender que os pensamentos dele, são bem mais altos que os nossos e seus caminhos bem melhores que os nossos. Há caminhos que aos nossos olhos parecem bons, mas levam a morte, no entanto Ele conhece todas as coisas.
Quer encontrar a verdadeira sabedoria?
Ouça mais e critique menos.Não é à toa que temos dois ouvidos e apenas uma boca.
Evite radicalismos e conceitos pré-formados. (Clique aqui para ler o artigo Buscando o equilíbrio vindo de Deus). 
Mas além de ouvir mais e estar aberto aos novos horizontes, entenda que Deus é sabedoria. Portanto, de nada serve debater com ele. Se discorda ou não compreende, peça ao Pai entendimento e visão, para que possa alcançar o raciocínio Dele.
E, principalmente, entenda que, por mais que você não compreenda; por mais que você discorde; por mais que você não aceite uma situação, saiba que TODAS AS COISAS COOPERAM JUNTAMENTE PARA O BEM DAQUELES QUE AMAM A DEUS.
Deus tem sempre o melhor para você!

Mas, bem aventurados os vossos olhos, porque vêem, e os vossos ouvidos, porque ouvem. Mt 13:16

Curiosidade: Ciência e religião em colaboração



A Universidade de Rice, no Texas (Estados Unidos), divulgou no último domingo (16) um estudo que mostra que a ciência e a religião andam juntas no país.
Para chegar a essa conclusão foram consultados 10 mil americanos entre religiosos e não religiosos e apenas 27% deles não concordam com essa afirmação, dando mais crédito para a religião do que para a ciência.
A socióloga Elaine Howard Ecklund apresentou os resultados dessa pesquisa no encontro anual da Associação Americana para o Avanço da Ciência (AAAS – sigla em inglês) que aconteceu em Chicago, destacando alguns pontos interessantes.
Entre eles o fato de 38% dos entrevistados sentirem que a ciência e a religião podem trabalhar juntas. Entre os evangélicos esse número sobe para 50%.
A pesquisa constatou que 18% dos cientistas que participaram do estudo assistem a cultos religiosos semanalmente, enquanto que a população geral tem margem de 20% de fiéis assíduos.
A diferença entre cientistas e a população em geral também é pouca quando foram questionados sobre ser muito religioso. Entre os cientistas, 15% se consideram muito religiosos, entre a população 19%.
Outro dado importante foi que 36% dos cientistas afirmaram não ter dúvidas sobre a existência de Deus.
Ecklund apresentou a pesquisa e mostrou que com esses dados fica provado que a ciência não deve ser usada para combater a religião.
“Esta é uma mensagem esperançosa para os desenvolvedores de políticas e educadores porque os dois grupos não têm que abordar a religião com uma atitude de combate. Em vez disso, deveriam abordar o tema tendo a colaboração em mente”, disse ela. Com informações G1.

Fonte: Gospel Prime

Livro: Campo de Batalha da Mente - Joyce Meyer


A indicação para leitura desta semana é de autoria de Joyce Meyer, uma leitura indispensável, para nossa batalha diária. 
Nossos pensamentos, opiniões e conceitos determinam nossas ações. 
Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultérios, fornicação, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias. São estas coisas que contaminam o homem; Mateus 15:19-20
Portanto, é necessário que tenhamos total controle sobre nossos pensamentos, para que, da mesma forma possamos controlar nossas ações. Se alguém abomina o suicídio, mas cultiva pensamentos de morte em sua mente, mais cedo ou mais tarde sucumbirá a prática dos atos que abomina. Se alguém diz acreditar em Deus, mas em sua mente cultiva pensamentos de dúvida, mais cedo ou mais tarde sucumbirá a falta de fé e a incredulidade. 
É por isso que a palavra de Deus nos orienta a 
e levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo. 2 Coríntios 10:5
Nós é quem precisamos dominar nossos pensamentos e não o contrário. E não pense que este ensinamento é dispensável ou bobo, pois não é!
Se você não controlar seus pensamentos, ele te dominarão e então estará sujeito a todo o tipo de compulsão. Certamente você já ouviu falar em serial killers, portadores de TOC, viciados em drogas ou medicamentos, maníacos... todas essas pessoas são exemplo de indivíduos que se deixaram dominar pelos próprios pensamentos. O resultado é apenas um: compulsão.
Afirmação pesada essa, não é mesmo? Mas infelizmente é verdade. Nossa mente é algo extremamente complexo e precisamos encarar a realidade de que o mal existe e nos rodeia, sendo indispensável que o reconheçamos e nos oponhamos a ele.
É preciso entender que os frutos da carne não são bons e que todos nós possuímos em nosso âmago impulsos destrutivos, maldade e inclinações compulsivas. Mas Deus nos dotou com uma qualidade especial chamada razão e nos chama a utilizá-la para dominar os instintos maléficos da carne, produzindo o fruto do Espírito.
Mas eu afirmo: Andai pelo Espírito e nunca satisfareis os desejos da carne. Gl 5:16
É aí que uma imensa batalha começa a ser travada em nossa mente: seus desejos e instintos X seu entendimento, moral e conceitos.
Porque a carne luta contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne. Eles se opõem um ao outro Gl 5:17
Essa árdua batalha é travada diariamente, por todos nós. Quando você escolhe não comer algo gorduroso em favor da sua dieta, você trava uma batalha. Quando você escolhe acordar cedo para ir ao trabalho ao invés de dormir até tarde, você trava uma batalha. Quando você resiste ao impulso de agredir alguém que te aborrece, você trava uma batalha. Dia após dia, minuto após minuto, nós travamos uma imensa batalha em nossa mente.
O problema ocorre quando não nos damos conta que estamos em meio a uma batalha em nossa mente. Quando estamos sendo alvo de maus pensamentos e dominados por eles, determinando de forma errada nossas escolhas. 
Este livro da Joyce Meyer é um excelente instrumento de capacitação para a batalha. Nele você poderá ver quantas vezes fez uma má escolha, sob o domínio equivocado dos pensamentos e, melhor que isso, como vencer e dominar esses impulsos.
Portanto, invista no seu bem-estar. Invista no seu domínio próprio e aprenda como vencer as batalhas diárias que são travadas em sua mente, a fim de produzir o doce e agradável fruto do Espírito Santo em sua vida. Invista em você: tire um tempo para dedicar a leitura deste livro.

........
No menu Livros aqui do blog você encontra a versão digital para leitura on line.
Este livro pode ser encontrado em todas as livrarias físicas e on line.
Abaixo algumas sugestões:

Alimentando o espírito: 1 Pedro 3:14-18


Mas também, se padecerdes por amor da justiça, sois bemaventurados. E não temais com medo deles, nem vos turbeis;
Antes, santificai ao Senhor Deus em vossos corações; e estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós,
Tendo uma boa consciência, para que, naquilo em que falam mal de vós, como de malfeitores, fiquem confundidos os que blasfemam do vosso bom porte em Cristo.
Porque melhor é que padeçais fazendo bem (se a vontade de Deus assim o quer), do que fazendo mal.
Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito;

1 Pedro 3:14-18

Alimentando o espírito: 1 Pedro 3:8-13


sede todos de um mesmo sentimento, compassivos, amando os irmãos, entranhavelmente misericordiosos e afáveis.
Não tornando mal por mal, ou injúria por injúria; antes, pelo contrário, bendizendo; sabendo que para isto fostes chamados, para que por herança alcanceis a bênção.
Porque Quem quer amar a vida, E ver os dias bons, Refreie a sua língua do mal, E os seus lábios não falem engano.
Aparte-se do mal, e faça o bem; Busque a paz, e siga-a.
Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos, E os seus ouvidos atentos às suas orações; Mas o rosto do Senhor é contra os que fazem o mal.
E qual é aquele que vos fará mal, se fordes seguidores do bem?

1 Pedro 3:8-13

Alimentando o espírito: Tito 2:1-8


Tu, porém, fala o que convém à sã doutrina.
Os velhos, que sejam sóbrios, graves, prudentes, sãos na fé, no amor, e na paciência;
As mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias no seu viver, como convém a santas, não caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras no bem;
Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos,
A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada.
Exorta semelhantemente os jovens a que sejam moderados.
Em tudo te dá por exemplo de boas obras; na doutrina mostra incorrupção, gravidade, sinceridade,
Linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se envergonhe, não tendo nenhum mal que dizer de nós.

Tito 2:1-8

Alimentando o Espírito: Habacuque 2:9-14


Ai daquele que, para a sua casa, ajunta cobiçosamente bens mal adquiridos, para pôr o seu ninho no alto, a fim de se livrar do poder do mal!
Vergonha maquinaste para a tua casa; destruindo tu a muitos povos, pecaste contra a tua alma.
Porque a pedra clamará da parede, e a trave lhe responderá do madeiramento.
Ai daquele que edifica a cidade com sangue, e que funda a cidade com iniqüidade!
Porventura não vem do Senhor dos Exércitos que os povos trabalhem pelo fogo e os homens se cansem em vão?
Porque a terra se encherá do conhecimento da glória do Senhor, como as águas cobrem o mar.

Habacuque 2:9-14

Alimentando o espírito: Ezequiel 3:18-21


Quando eu disser ao ímpio: Certamente morrerás; e tu não o avisares, nem falares para avisar o ímpio acerca do seu mau caminho, para salvar a sua vida, aquele ímpio morrerá na sua iniqüidade, mas o seu sangue, da tua mão o requererei.
Mas, se avisares ao ímpio, e ele não se converter da sua impiedade e do seu mau caminho, ele morrerá na sua iniqüidade, mas tu livraste a tua alma.
Semelhantemente, quando o justo se desviar da sua justiça, e cometer a iniqüidade, e eu puser diante dele um tropeço, ele morrerá: porque tu não o avisaste, no seu pecado morrerá; e suas justiças, que tiver praticado, não serão lembradas, mas o seu sangue, da tua mão o requererei.
Mas, avisando tu o justo, para que não peque, e ele não pecar, certamente viverá; porque foi avisado; e tu livraste a tua alma.

Ezequiel 3:18-21

Curiosidade: Teorema matemático comprova a existência de Deus


Amigo pessoal de Albert Einten, Kurt Gödel é um famoso cientista alemão, cujo principal trabalho foi o Teorema da Incompletude. Este teorema afirma que:
"afirma que qualquer sistema axiomático suficiente para incluir a aritmética dos números inteiros não pode ser simultaneamente completo e consistente. Isto significa que se o sistema é auto-consistente, então existirão proposições que não poderão ser nem comprovadas nem negadas por este sistema axiomático. E se o sistema for completo, então ele não poderá validar a si mesmo — seria inconsistente.(Fonte Wikipédia)"
Para Gödel, Deus é concebido como um ser maior, através de uma lógica modal e, para comprovar tal afirmação utilizou-se de teoremas e equações matemáticas sobre o assunto.
Recentemente os cientistas Christoph Benzmüller e Bruno Woltzenlogel Paleo testaram através de um MacBook os teoremas formulados por Gödel, cujos resultados foram publicados no artigo "Formalização, mecanização e automação de prova da existência de Deus de Gödel". A conclusão alcançada foi que os cálculos do cientista alemão estavam corretos e é possível sim comprovar a existência de Deus através da ciência moderna.
Portanto, se você tinha alguma dúvida da existência divina, saiba que a ciência já comprovou sua existência.